5 ferramentas para manter a produtividade no trabalho remoto

Mulher, no aeroporto trabalhando de forma remota, com laptop e tablet.

O avanço na tecnologia tem permitido uma maior flexibilidade para trabalhar em qualquer ambiente, basta ter um bom computador ou notebook e uma conexão wi-fi estável. O home office, nesse cenário, tem se mostrado uma ótima opção para empresas, mas há uma questão importante a ser considerada: como manter a produtividade no trabalho remoto?

Quer saber quais são as 5 principais ferramentas para ajudá-lo a ser mais produtivo, esteja onde estiver, seja em sua casa ou no hotel durante uma viagem corporativa? Então, é só continuar a leitura deste artigo!

1. Trello

O Trello é um dos aplicativos mais conhecidos para o gerenciamento de projetos em listas. Ele é muito versátil, pois permite o ajuste de acordo com as necessidades de cada usuário.

Além disso, pode ser utilizado tanto por uma pessoa trabalhando sozinha quanto para trabalhos em equipe, permitindo alterações em tempo real, caso sejam necessárias. 

Sua interface tem acesso pelo Google Chrome, Mozilla, Safari e Internet Explorer, sem a necessidade de realizar qualquer instalação e é uma ferramenta gratuita.

Você pode personalizar seus objetivos em “Boards” e adicionar comentários, links, anexos e outros pontos relevantes. 

2. Google Hangouts

É um clássico que tem versões bem leves para smartphones, tablets e desktops, permitindo a realização de videoconferências com qualidade — a transmissão de eventos em tempo real pode ser feita pelo YouTube Live.

Também está disponível para ser utilizado no Gmail, na área de trabalho, no Google Chrome e no Google Agenda.

3. Skype

o Skype é uma opção bastante completa para a comunicação corporativa e oferece ligações telefônicas com tarifas reduzidas, videoconferências e o envio de mensagens instantâneas. É gratuita e está disponível para as principais plataformas. 

4. Join.me

Assim como o Skype permite o compartilhamento de tela com outros usuários, o Join.me tem essa facilidade. Contudo, ele vai além, possibilitando o acesso remoto de seu computador por outro usuário.

Dessa forma, outra pessoa poderá realizar correções em eventuais erros do seu sistema, por exemplo. É uma aplicação gratuita e conecta até 10 usuários ao mesmo tempo. 

5. Pomodoro

Apesar de não ser uma ferramenta propriamente dita, essa é um excelente técnica para ajudar a se manter focado em uma tarefa de cada vez. Ela é dividida em blocos de 25 minutos, separados por breves intervalos, que são medidos com a ajuda de um timer.

Você pode cronometrá-los com o celular ou nas versões online do aplicativo, bem como as disponíveis para smartphones. Então, é só preparar a sua lista de afazeres do dia e começar a trabalhar.

Criado pelo italiano Francesco Cirillo, no fim da década de 1980, o método é baseado na ideia de que dividir o fluxo de trabalho em blocos melhora a agilidade cerebral, além de estimular o foco.

No entanto, apesar de ter os 25 minutos como base, é importante adaptar os tempos de produção e intervalo de acordo com suas necessidades para que possa obter os melhores resultados.

Lembre-se de que a chave para ser bem-sucedido no trabalho remoto é a organização. Ela é essencial em qualquer ambiente, mas, como está sozinho e sem alguém para supervisionar o que é feito, torna-se ainda mais importante para o bom andamento de seus projetos.

Além de utilizar essas ferramentas, é necessário ficar atento a detalhes, como o fuso horário de seus colaboradores e clientes, a fim de evitar atrasos e garantir a qualidade do que for produzido.

Então, curtiu saber como melhorar a produtividade no trabalho remoto? Conhece mais ferramentas além das que citamos? Deixe seu comentário abaixo com suas sugestões e dúvidas!

Deixe um comentário

Share This